ADE-PR: Associação de Divulgadores do Espiritismo do Paraná

Especial

Marca de nascença no menino Ian é evidência a favor da reencarnação. Assista o vídeo clicando aqui.

Jornal Comunica Ação Espírita | 70ª edição | 11 de 2008.

Auto-retrato

Naquela virada de ano, uma reflexão sobre o tempo. Doação de órgãos para transplantes, tema de uma futura campanha especial da ADE-PR. Noções sobre o ectoplasma. E a eutanásia, segundo Divaldo Franco.

A capa da edição nº11, janeiro-fevereiro de 1999 do ADE-PR Informativo, a propósito da chegada de mais um ano, trazia uma reflexão sobre o tempo. Transcrevemos a seguir algumas frases. O tempo e a vida física são como fumaça... Não vamos ao encontro do tempo, passamos por ele. Mas tudo que com ele fizermos, fica sob a inteira responsabilidade nossa... Nunca serão dados dois momentos ao mesmo tempo, sempre apenas um... Para bem aproveitá-lo devemos ser sempre solidários ou seremos eternos solitários. Temos que nos integrar ou seremos obrigados a nos entregar... Oportunidades para crescermos em amor e sabedoria, experiência e conhecimento surgem a granel.

No texto principal da página 02, Walter Baruffi defendia a conscientização de todas as pessoas, mas principalmente dos espíritas quanto à importância da doação de órgãos para transplantes. Escreveu a certa altura: ...Se nos decidimos a doar nossos órgãos, sabemos que teremos condições no futuro de enfrentar sem temor e sem qualquer arrependimento a força de nossos atos e veremos predominar a calma e a serenidade pela convicção do dever bem cumprido. E arrematou: Tratemos de enriquecer nossos patrimônios espirituais porque são eles que ultrapassam as barreiras e seguem conosco para onde quer que possamos ir. É uma bagagem positiva. A matéria é efêmera e descartável.

Ainda nesta página, em “Você sabia?”, informava-se que o ectoplasma tem como principal elemento constitutivo o ATP – trifosfato de adenosina. Fornecia características de sua forma e cor e sobre os resultados laboratoriais obtidos pelo Dr. Lebiedczinsky a partir do material doado pela médium Stanislava, em fevereiro de 1916.

Finalmente, uma declaração de Divaldo Pereira Franco, publicada no jornal Correio Fraterno de março de 1987 na qual o famoso orador opinava sobre a eutanásia. “Sempre que pudermos prolongar a vida não utilizando de métodos artificiais para mantermos apenas a vida vegetativa, quando haja a morte cerebral... é ético e científico e, do ponto de vista moral e espiritual, necessário”.

Entre as notícias da página 03, destaque para a confraternização entre os voluntários do então departamento da ADE-PR, o “Disk Espiritismo”, realizado no dia 12 de dezembro e a XIII Feira do Livro Espírita ocorrida de 07 a 19 de novembro.

Fechando a edição, a página 04 trouxe a resenha literária sobre os livros recebidos mediunicamente por Maury Rodrigues da Cruz, fundador da SBEE – Sociedade Brasileira de Estudos Espíritas, boa parte desta produção de autoria do espírito do Dr. Leocádio José Correia, conhecido médico que viveu em Paranaguá.

Num comentário em separado, o resenhista citou “Retalhos de um atalho”, de Nazareno Tourinho que, por sua vez, analisa e critica ali a obra “O atalho”, do roustainguista Luciano dos Anjos.

Receba em casa a versão impressa do jornal Comunica Ação Espírita

Assine agora mesmo

ADE-PR © 2018 / Desenvolvido por Leandro Corso