ADE-PR: Associação de Divulgadores do Espiritismo do Paraná

Especial

Marca de nascença no menino Ian é evidência a favor da reencarnação. Assista o vídeo clicando aqui.

Jornal Comunica Ação Espírita | 93ª edição | 09 de 2012.

A água fluidificada e o passe perante a ciência; e um novo desafio à ADE-PR

     Os temas abordados nesta edição são vários, mas gostaríamos de destacar alguns que, sem percebermos, acabaram alinhando-se por aproximações de conteúdo. Assim, por exemplo, estamos publicando matérias que tratam do passe (pág. 8) e da água fluidificada (pág. 7), práticas habituais em nossas Casas Espíritas. Ambas aqui são enfocadas pelo viés do crivo científico, depreendendo-se dos resultados que não constituem meros rituais, expressão de crendice ou pura manifestação de fé. 

     O emprego de metodologias de conformidade com o que é exigido pelo rigor científico, perante os quais, tanto a eficácia do passe - em suas formas magnética, espiritual e magnético-espiritual -, como a da água – com a imposição de mãos ou pela simples exposição a um ambiente de vibrações harmônicas e elevadas – demonstra mais uma vez que o Espiritismo pode e deve atentar para seu tríplice aspecto de filosofia, ciência e religião, ou moral, como preferem muitos. 

     Neste último aspecto ressalta a vigência da fé raciocinada. A pessoa que vai ao Centro Espírita terá a sua fé e, por consequência, as chances de encontrar lenitivo para suas necessidades orgânicas e psíquicas se for instada a compreender que o passe é uma transfusão de energias que ela recebe do agente encarnado somada a dos benfeitores espirituais, bem como a água contém propriedades medicamentosas de alcance surpreendente para o seu bem-estar. Embora os efeitos dependam do merecimento e esforços de transformação diária nos hábitos, incluindo o pensar, o falar, o sentir e o agir.

     O complemento destes tópicos surge naturalmente com a outra matéria da página oito referente à aplicação que já se faz destes recursos, incluídos nas denominadas terapias não mais alternativas, mas agora complementares. Não só estudos que envolvem princípios espíritas como as faculdades mediúnicas são realizadas em universidades, como hospitais renomados rendem-se às abundantes evidências da validade de se usar as capacidades curativas provenientes de pessoas especiais ou intermediárias de entidades invisíveis.

     As outras matérias confluentes são a da página seis que chama a atenção para a importância da divulgação do pensamento espírita no rádio e na televisão, coincidindo com o projeto em curso da ADE-PR, conforme texto ao lado, para colocar no ar um programa desses nos próximos meses. É um sonho longamente acalentado por aqueles que viram esta Associação nascer, crescer, desenvolver diversas áreas da divulgação e que já atua na televisão, numa bem-sucedida parceria, mas que vê chegada a hora de alçar voos mais altos e por sua própria conta e risco.

     Um desafio maior, responsabilidade multiplicada para a qual, entretanto, reconhece estar pronta para enfrentar. Tão importante quanto falar aos espíritas é poder dirigir-se àqueles que ainda o desconhecem. É dar-lhes uma oportunidade que talvez ainda não tenham tido de provar desta fonte maravilhosa de conhecimentos e consolações. É a condição favorável de se oferecer a proposta espírita que a nada obriga, não faz exigências de nenhum teor; apenas deseja ver um mundo melhor e as pessoas mais felizes que, dadas as condições planetárias, significa, ao menos, vê-las menos aflitas e mais esperançadas no futuro

Receba em casa a versão impressa do jornal Comunica Ação Espírita

Assine agora mesmo

ADE-PR © 2021 / Desenvolvido por Leandro Corso