ADE-PR: Associação de Divulgadores do Espiritismo do Paraná

Especial

Marca de nascença no menino Ian é evidência a favor da reencarnação. Assista o vídeo clicando aqui.

Jornal Comunica Ação Espírita | 69ª edição | 09 de 2008.

Resenha crítica: Túnel de Relacionamentos

Por Y. Shimizu

O acervo bibliográfico espírita em língua portuguesa (livros originalmente escritas em língua portuguesa e os concebidos em idioma estrangeiro e traduzidos para o vernáculo) atinge um número superior a quatro mil títulos.

Contudo, obras especialmente concebidas para elucidar as questões peculiares atinentes à faixa etária dos 13 aos 25 anos de idade são muito raras. Levando em conta que a maioria das associações espíritas de grande ou médio porte mantém grupos de estudo de jovens e moços, há uma grande carência de livros escritos para essa faixa etária e, também para os coordenadores e orientadores desses grupos.

Assim, “Túnel de Relacionamentos”, de Marcelo Henrique, publicado pela Editora EME, de Capivari – SP, com 248 p., é um lançamento que preenche uma lacuna notória na bibliografia doutrinária, resultante de duas décadas de experiências com grupos de estudos com adolescentes e jovens, e de sua vivência profissional no ramo jurídico e pedagógico.

Túnel de relacionamentos é uma expressão cunhada pelo autor, em 1987, para contemplar as espécies de relacionamentos travados pelo Espírito em suas vivências evolutivas. “Corresponde ao somatório das experiências (atuais e pregressas, com reflexo nas futuras) de natureza afetiva, amorosa e sexual, os chamados envolvimentos do Espírito com os seus semelhantes” (p. 15).

Marcelo Henrique ressalta que ele não deseja “prescrever fórmulas ideais de comportamento, muito menos para condenar posturas ou afiançar este ou aquele envolvimento. Muito pelo contrário...O que se advoga é a necessidade de conhecimento (de si mesmo, do outro, das leis espirituais que regem os mundos). Entender, comparar, questionar, buscar a noção precisa, capaz de constituir leme firme e forte, conduzindo a nau espiritual ante as tempestades”.

O autor consegue abordar assuntos delicados, considerados tabus em diversos círculos, com extrema propriedade e precisão, baseados nos princípios doutrinários expostos nas obras da Codificação e dos autores encarnados e desencarnados mais credenciados, com bom senso e racionalidade, sem cair no moralismo carola, ou no pieguismo, dificilmente aceito pelos jovens brasileiros da atualidade...

Dentre os temas focalizados no livro podem ser citados: espiritismo e sexualidade, educação sexual dos filhos e a televisão, viver em família, reencarnação e os laços de família, sexualidade do adolescente, o namoro, o ficar, o ciúme, o casamento, o divórcio, experiências, paternidade espírita, simpatias e antipatias nas relações humanas, distância e saudade, amigos e tantos outros.

Além disso, discorre corajosamente sobre vários assuntos polêmicos e de extrema atualidade que exigem um teor de compreensão muito especial, tais como: relações sexuais, masturbação, fantasias, promiscuidade, prostituição, homossexualidade, uniões conjugais homossexuais, bissexualidade, transexualidade, travestismo, as drogas na vida moderna, camisinha, AIDS, etc.

É “um livro dedicado aos adolescentes e jovens, que tanto questionam em grupos espíritas acerca da temática afetiva, amorosa e sexual. Mas, também, é oferecido a pais, educadores, e estudiosos da temática espírita, que desejam melhor entender e repassar os importantes conceitos espíritas da atualidade”.

Marcelo Henrique Pereira, carioca de nascimento e residente em Florianópolis-SC, é graduado e mestre em Ciências Jurídicas. Advogado e professor de Direito em São José. Exerce, atualmente a presidência da Associação de Divulgadores de Espiritismo de Santa Catarina (ADE-SC). É editor da revista mensal “Harmonia”.

Receba em casa a versão impressa do jornal Comunica Ação Espírita

Assine agora mesmo

ADE-PR © 2021 / Desenvolvido por Leandro Corso