ADE-PR: Associação de Divulgadores do Espiritismo do Paraná

Especial

Marca de nascença no menino Ian é evidência a favor da reencarnação. Assista o vídeo clicando aqui.

Jornal Comunica Ação Espírita | 69ª edição | 09 de 2008.

As escolhas eletrônicas no mundo globalizado

Em tempos de mundo globalizado por força da comunicação instantânea, inegáveis as influências exercidas pela mídia na vida do homem. Seja pela fabulosa internet como pelas demais vias eletrônicas como o rádio e a televisão e mesmo ainda pela informação impressa, estamos todos constantemente sendo bombardeados por notícias do mundo inteiro que adentram nossos lares, locais de trabalho e invadem até nosso tempo de lazer.

Ao mesmo tempo que podemos acompanhar ao vivo fatos que estão ocorrendo em qualquer lugar do planeta como um evento esportivo ou acessar o acervo das maiores bibliotecas do mundo, o que é ótimo, também estamos sujeitos a sofrer o impacto intelectual, psicológico e emocional de todas as mazelas produzidas pelo atraso moral humano no instante em que acontecem.

Os homens e mulheres em vias se espiritualização devem saber discernir sobre o que lhes convêm ou pode-lhes ser pernicioso aproveitando o ensino evangélico para proceder a separação do joio e do trigo. Suas escolhas pessoais e na orientação, principalmente dos filhos sob amparo do mesmo teto, devem ser pautadas sempre pelo firme propósito de manter o distanciamento prudente dos apelos exageradamente materialistas que insuflam comportamentos viciosos e de tudo que reflita as carências morais em que se demora e se compraz parcela significativa dos irmãos em trânsito pela vida terrestre.

Os maus exemplos da desonestidade, da corrupção, da violência, do culto exagerado do corpo, dos modismos de variada ordem, do egoísmo e falta de solidariedade não podem nortear a conduta de pessoas que se dizem pertencentes a qualquer segmento religioso ou filosófico verdadeiramente embasado em princípios éticos e de amor ao próximo.

Pelo exercício do livre-arbítrio deve o homem de Bem se comportar como tal, repelindo as vibrações energéticas infelizes que acompanham tais acontecimentos ou posturas e impedir sua propagação adiante. Jamais cederá de querer ser igual copiando atitudes que rebaixam o ser humano à condição da irracionalidade dolosa que poderá lhe custar décadas ou séculos de cativeiro nas sombras projetadas pela sua própria consciência no determinismo da justiça divina que, de um modo ou de outro, sempre alcança o infrator das leis do Criador do Universo.

Referências

Editorial do programa “Espiritismo em palavras simples”, apresentado pela equipe da ADE-PR e URE-Leste, na Rádio Continental-AM – 1270 KZ, no dia 09/12/07.

Receba em casa a versão impressa do jornal Comunica Ação Espírita

Assine agora mesmo

ADE-PR © 2021 / Desenvolvido por Leandro Corso